Como tirar sardas no rosto

Existem vários tratamentos para tirar as sardas do rosto, os quais podem ser naturais ou químicos. O tempo de remoção costuma variar.

Existem várias formas de tirar sardas do rosto. Mas antes de falarmos a respeito, torna-se necessário destacar que as sardas se diferenciam das demais manchas de pele por terem cor castanha clara ou escura. Geralmente, ocorrem em peles claras ou avermelhadas, devido à exposição à luz solar. A predisposição genética também influencia bastante.

O uso diário do protetor solar é uma das melhores formas de prevenção contra sardas, câncer de pele e envelhecimento precoce. Por isso, é indicado usá-lo constantemente, sempre prestando bastante atenção com relação ao fator de proteção, onde pessoas de pele mais clara devem fazer uso de um fator mais alto.

TIRAR SARDAS NO ROSTO

Tratamentos naturais para tirar sardas do rosto

As sardas do rosto acabam incomodando bastante as pessoas que as tem, já que costumam ser bem visíveis. Os tratamentos naturais costumam ser mais em conta que os demais tipos de tratamento, mas também são mais demorados.

É um processo mais longo que o tratamento químico, mas que pode sim surtir efeito. Dois exemplos de tratamento caseiros são a manteiga derivada do leite e a máscara de pepino e de azeite de oliva.

A manteiga age com esfoliante na pele, clareando-a. Sua aplicação deve ser 3 vezes por semana com duração de 15 minutos para surtir efeito. Já a máscara de pepino e de azeite de oliva deve ser preparada com os seguintes ingredientes: 1 pepino, 1 colher (chá) de azeite de oliva, 1 colher (chá) de amido de milho , 1 colher (sopa) de farinha de trigo e 200 ml de água.

Bata o pepino no liquidificador junto com a água e coe com a ajuda de um pano de algodão. Em um recipiente coloque o suco de pepino com o restante dos ingredientes e misture bem até obter uma pasta homogênea. Se achar que a consistência da máscara ficou muito líquida, deve-se acrescentar mais farinha de trigo.

Com a ajuda de um algodão aplique a máscara de pepino no rosto com movimentos circulares suaves. A aplicação deve ser feita de noite, de modo que o indivíduo durma com a máscara e retire-a somente pela manhã, utilizando água gelada. Esse procedimento deve ser feito pelo menos 02 vezes por semana.

TIRAR SARDAS NO ROSTO

Tratamentos químicos para tirar sarda do rosto

Os tratamentos químicos costumam mostrar resultados mais rápido que os tratamentos caseiros, mas também são mais caros. Atualmente, o setor disponibiliza uma série de tratamentos que visam tirar a sarda do rosto.

Veja alguns deles logo abaixo:

Hidroquinona

É uma substância contida em cremes faciais livres de prescrição médica desde que não supere a concentração de 2%.  Exemplos: claripel, clariderm e solaquin.

Laser

É o mais utilizado porque pode remover qualquer mancha de pele. A aplicação do laser atinge somente a região sardenta sem danificar a pele saudável. Não é um processo longo ou doloroso.

Hystofreezer (congelamento)

A técnica de clareamento é feita a base de crioterapia (destruição de tecidos através do congelamento). É um método que faz muito sucesso nos Estados Unidos e agora passou a ser usado por dermatologistas brasileiros.

Peeling químico

Pode ser superficial, médio ou profundo. O apropriado para remover sardas é o superficial. Funciona como uma limpeza profunda na pele, ameniza rugas finas, clareia manchas e ativa a renovação celular responsável pela firmeza da face.

Mas, para quem não deseja fazer nenhum tratamento, uma opção é fazer uma maquiagem para ocultar as sardas. Um tom de base ou pó mais escuro que a cor da sua pele é o ideal para deixar o seu rosto lindo e sem nenhuma sarda.




Fabio
25/10/11



Mais informações por email.

Deixe uma resposta

  1. o congelamento é de grassa?

    leonardo
    07/08/12 às 11:23
  2. Bom tenho 14 anos e tenho sardas não são muitas mais,por ser muitio vaidosa prefiro a pele sem manchas tenho medo de fazer certos tratamentos que alem de tudo são caros por isso opito por tratamentos caseiros espero que de certo vou a dar respostas pois comecei o tratamento a pouco tempo,com a manteiga.

    Leticia
    03/01/12 às 12:22